INTEGRALISMO: O FASCÍNIO BRASILEIRO NA DÉCADA DE 1930

Este livro tornou-se um clássico após a publicação da primeira edição, em São Paulo (1974) pela da DIFEL. As referências elogiosas no mundo acadêmico, a presença na ditadura militar de ex-integralistas e a repercussão na imprensa foram responsáveis pelo seu sucesso editorial. A segunda edição foi enriquecida pelo Prefácio de Juan Linz, da Universidade de Yale: "O trabalho de Hélgio Trindade é uma valiosa contribuição para os que se encontram, como nós, comprometidos com um estudo comparativo dos movimentos fascistas."

Informações adicionais

  • Editora: Unisinos
  • Autor(a): Hélgio Trindade

Deixe um comentário